eCall Português English
Os desafios de infraestrutura para os líderes de TI

Durante a pandemia do coronavírus, muitos dos desafios de infraestrutura que eram latentes, foram ampliados. Um dos motivos foi o aumento abrupto do volume de dados e interações em canais de atendimento e produtos digitais. Isso causou problemas de performance e indisponibilidade nos serviços - algo diretamente relacionado à infraestrutura de TI. 

Sobre esse assunto, algumas medidas poderiam ser tomadas rapidamente, como alterar o banco de dados para aqueles auto-gerenciados por cloud providers, por exemplo. Ou mesmo usar práticas DevOps e alterar tudo via código. Entretanto, as transformações que se seguem são verdadeiramente estruturais. Por isso, os líderes de TI precisam repensar seu papel junto às empresas.  

O Gartner Institute alertou os líderes de infraestrutura e operações de TI para dois cenários futuros: continuar como construtores e gerentes de data center ou assumir plenamente o papel estratégico de parceiro confiável na jornada de digitalização dos negócios. O primeiro caso, segundo o Gartner, não é uma opção plausível, afinal, muitas empresas estão conseguindo gerir sua própria TI. Ou seja, os líderes de TI precisam evoluir, transformando a posição de gerente na posição de estrategista.  

Para isso, é preciso tomar algumas medidas que ajudam a superar esses desafios de infraestrutura: 

  • Alinhar a infraestrutura de TI aos resultados dos negócios 

O Gartner recomenda que os executivos da área vinculem o sucesso de seus data centers ao sucesso da empresa. Ou seja: utilizar o mapeamento de sistemas, serviços ou aplicativos que para vislumbrar o impacto mais direto na missão ou na receita da empresa. Isso possibilitará uma atuação mais estratégica da área de TI. 

  • Capacitar e reter novos talentos 

O trabalho com data centers se tornou muito mais colaborativo, multifuncional e digital. Além disso, muitas mudanças estão acontecendo a todo momento, o que necessita de agilidade na hora de tomar decisões. Por isso é tão importante a capacitação de novos e bons talentos, criados para serem adaptáveis e favoráveis às inovações. 

  • Criar uma estratégia de cloud híbrida proativa 

O equilíbrio entre a computação na nuvem e os cuidados com as cargas legadas críticas deve ser uma preocupação para os líderes. Apesar da tarefa difícil, esse modelo híbrido será responsável por atuar de acordo com as necessidades dos clientes. Através de uma estratégia de cloud híbrida proativa, é possível desenvolver um conjunto de estruturas e processos que permitem a avaliação e acompanhamento das oportunidades desse ambiente. 

Algumas medidas podem começar a ser implementadas internamente, juntamente com o time de Pessoas. Entretanto, para as áreas mais técnicas, é importante contar com uma empresa especializada e à frente dessas inovações, para que as suas soluções acompanhem as mudanças temporais. Para saber mais, entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar a superar os desafios de infraestrutura de TI.